Quarta feira/ 18 de abril d 2018/  ( Foto: Agência Senado )O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) se manifestou na tarde desta quarta-feira (18), no plenário do Senado, contra a nova paralisação das obras de Transposição das águas do Rio São Francisco. De acordo com o senador, o governo alega que as obras foram interrompidas em face da desistência da empresa contratada para realizar o projeto.

Tasso acrescentou que, ao final de 2017, esteve com o então Ministro da Integração, solicitando várias medidas emergenciais devido à grave seca no Norte e Nordeste brasileiro, na iminência de um colapso no fornecimento de água nas grandes cidades.

“Naquela ocasião, o governo justificou que era necessário adotar todas as cautelas, para que as obras não voltassem a ser paralisadas em função de problemas na contratação da empresa construtora. Pois o problema se repetiu”, disse.

Para Tasso, a negligência do governo federal em relação ao combate à seca é inaceitável. “É preciso que o Governo tome medidas realmente emergenciais, visto a gravidade da situação.

Fonte Diário do Nordeste